Para aumentar a carga de treinamento, muitos atletas treinam duas vezes por dia. Adicionar duas sessões por dia em sua programação semanal é uma ótima maneira de se preparar para sua principal prova da temporada, mas deve ser feito da maneira correta.

Se você está constantemente treinando cerca de 60 a 70 minutos por dia durante a semana, com sessões mais longas nos fins de semana, e ainda tem tempo para os seus compromissos, então você poderia considerar usar dessa estratégia para obter um condicionamento maior.

Mas atenção os menos experientes devem manusear dias com sessões duplas com cuidado por causa de suas implicações no aumento das necessidades de recuperação, já que tendem a diminuir a imunidade e aumentar o risco de lesões.

Dias duplos de treinos devem ser planejados, pensados e concluídos de forma consistente a cada semana.

Se você está começando a pensar se deve colocar dias duplos em seu planejamento de treinos, siga esses passo:

1- Comece com apenas um dia duplo na semana durante, pelo menos, 8 semanas antes de pensar em colocar em um segundo dia duplo na programação de treinamento semanal. Isso permitirá que seu corpo se adapte gradualmente às demandas sobre sua imunidade e as funções de recuperação.

2- Aumente gradualmente a carga de treinamento a cada semana, o ideal é começar com 2/3 da carga de treinamento de uma sessão completa em cada um de seus dias duplos. Não coloque sessões completas nos primeiros dias de treino. Quanto mais tempo você dá ao seu corpo para se adaptar, mais confortável e efetiva será a transição para a nova carga de treinos.

3- Coloque o treino mais importante na 1ª sessão e, em seguida, a sessão complementar como a segunda do dia. Mesmo que todas as sessões sejam importantes e produzam um estímulo de treinamento específico, a primeira sessão do dia, deve tratar da modalidade ou técnica que você busca desenvolver melhor. Treinar isso depois de uma noite de sono, quando você está 100% descansado, vai aumentar a probabilidade de que a qualidade desta sessão seja alta.

4- É importante deixar pelo menos 3 a 5 horas de intervalo antes da segunda sessão do dia. Assim o corpo terá tempo de recuperação entre os treinos. A pausa também é importante porque permite que você possa reabastecer suas reservas de glicogênio. Entre os intevalos se hidrate, e coma algo que te sustente para o próximo tempo.

5- Quando começar com dias duplos, pense na segunda sessão do dia como uma sessão complementar, sem considerar isso como um treino opcional. Na verdade, enquanto a primeira sessão do dia provoca uma certa resposta fisiológica, a segunda sessão é usada para construir a resistência corporal, ou seja o corpo constrói a capacidade de treinar mesmo se com os braços e pernas cansados. Fonte: Ativo.com

Compartilhar:
Mais nesta categoria: Bolhas e machucados durante a prova, como evitar. » A nutrição e performance » Como se manter motivado » Métodos alternativos para tratar lesões » Como aprimorar suas técnicas para o triathlon » 5 precauções que os atletas de bike devem ter » Natação em águas abertas e seus benefícios » Dicas para sua primeira corrida de montanha » O efeito de uma boa respiração na corrida » Dicas para não perder o fôlego durante a natação em águas abertas » Como manter a corrida firme até o final » O que fazer com as dores pós-treino » A tecnologia mal usada nos treinos » Dicas de exercícios para a flexibilidade » Como escolher o wetsuit sem erro » 5 dicas de como encarar uma subida de bike » A importância do aquecimento e alongamento antes da corrida » 5 dicas para se iniciar no ciclismo » Como acertar as transições do triathlon »  5 Dicas para a respiração em águas abertas  » 7 dicas de como se preparar para corridas de rua » Como ter uma boa largada no triathlon » Dicas de alimentação e nutrição para as corridas de montanha » Alimentos que podem roubar a sua energia » Erros comuns no treinamento de bike » 3 dicas de treino para quem está iniciando na corrida » Benefícios do limão na sua dieta » Treinamento funcional aliado da corrida » 5 alimentos perfeitos para corredores » Benefícios de nadar em mar aberto » Descubra como comer com qualidade pode melhorar a corrida » Dicas para quem quer começar a treinar triathlon » Cúrcuma para atletas » Os benefícios da corrida que vão além do emagrecimento » A importância de beber água todos os dias » Como prevenir dores do dia seguinte » Cuidados com o cabelo e a pele para correr » Superfoods essenciais para a sua dieta » Como evitar bolhas nos pés no verão » Conheça o overtraining » Correr alivia a ansiedade » Dicas para começar a correr » Correr faz bem para a saúde do joelho » Alimentos proibidos para corredores antes do treino » O carboidrato é mocinho ou vilão? » A importância de um grupo de treinamento » Vantagens da corrida de rua »
Postagem anterior Bolhas e machucados durante a prova, como evitar.

Adicionar Comentário

Logo Header Menu